Exposição traz fotos inéditas de Pierre Verger para a Caixa Cultural - Agenda CariocaAgenda Carioca

publicidade

Pierre Verger, dorminhocos

Exposição traz fotos inéditas de Pierre Verger para a Caixa Cultural

O antropólogo e fotógrafo francês Pierre Verger rodou o mundo com uma câmera na mão e só parou quando se sentiu em casa, em Salvador. Apaixonado pela capital baiana, onde viveu por 50 anos, até sua morte em 1996, Verger sempre se interessou por temas pouco comuns e retratou como poucos a sensibilidade humana.

A exposição Dorminhocos, em cartaz na Caixa Cultural de 21 de janeiro a 18 de março, traz uma série de imagens que retrata pessoas descansando em locais públicos. Produzidas entre as décadas de 1930 e 1950, as fotos reunidas mostram pessoas de diversas partes do mundo, como Argentina, Peru, Congo, China, Polinésia Francesa, Guatemala e México. No Brasil, a maior parte dos cliques foi feita não só na Bahia, o estado em que fincou raízes, mas também em Pernambuco e Maranhão.

pierre verger dorminhocosApesar das 145 fotografias da mostra fazerem parte do acervo da Fundação Pierre Verger, em Salvador, a maior parte delas é inédita para o público, trazendo um chamariz a mais para essa exposição.

A obra de Verger foi marcada pela afro-brasilidade e retratos da diáspora africana. O cunho político-social sempre esteve presente em suas fotografias, e não é diferente nessas fotos da série Dorminhocos. Mais do que apenas pessoas descansando, a mostra levanta questões como a relação entre a estafa e o trabalho, contrastes sociais e raciais e o lugar da mulher no mercado de trabalho e no espaço público (são poucas as fotos com presença feminina).

No dia 03 de fevereiro (sábado), às 16h, o público terá a oportunidade de participar de uma visita guiada com o curador Raphael Ferreira. A visita tem entrada franca e marca o lançamento do catálogo da exposição, que será distribuído gratuitamente.

 

EXPOSIÇÃO “DORMINHOCOS”
Caixa Cultural Rio de Janeiro – Av. Almirante Barroso 25
De 21 de janeiro a 18 de março (terça a domingo, das 10h às 21h)
Entrada franca

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

catorze − dois =