Guia Michelin 2016: conheça os restaurantes estrelados da vez - Agenda CariocaAgenda Carioca

publicidade

Guia Michelin 2016: conheça os restaurantes estrelados da vez

Se na Europa a constelação Michelin brilha nos sonhos dos grandes chefs, no Brasil o guia é recebido com mais informalidade. Continuamos sem nenhum estabelecimento três estrelas considerado excepcional, e o único duplamente estrelado é o D.O.M. de Alex Atala, mas a festa de lançamento da edição 2016 do livreto equivaleu foi animada no salão nobre do Copacabana Palace. A segunda edição do guia traz quatro novos restaurantes contemplados com sua primeira estrela. Um deles é carioca! Ou melhor, do Rio de Janeiro: o Eleven Rio, onde o chef Joachim Koerper, que já conquistou uma estrela em Portugal, acompanhado pelo chef Paulo Leite, oferece uma cozinha internacional com influências locais, inspirada por sua expressiva criatividade, em um ambiente clássico e elegante. Koerper se junta ao seleto time formado pelos restaurantes Roberta Sudbrack, Mee, Olympe e Lasai.

“A seleção 2016 é o reflexo do que está se passando neste momento na cena gastronômica do Rio de Janeiro e de São Paulo: dos populares botecos aos restaurantes mais luxuosos, a qualidade, a riqueza e a diversidade oferecidas pela culinária brasileira continuam a crescer ano após ano”, explica Michael Ellis, Diretor internacional dos guias Michelin. Em São Paulo, o Esquina Mocotó quebra a corrente Zona Sul: depois de ser reconhecido na categoria Bib Gourmand no ano anterior, obteve uma estrela este ano. O chef Rodrigo Oliveira, na foto abaixo com Roberta Sudbrack, propõe uma cozinha popular brasileira, sóbria e elegante, onde os sabores marcantes destacam os produtos de alta qualidade.
Sudbrack Michelin
Kan Suke também recebe sua primeira estrela: localizado numa galeria comercial, este restaurante de decoração modesta traz uma requintada cozinha japonesa: sushis, sashimis e peixes frescos são preparados aos olhos dos clientes, pelo chef Keisuke Egashira. Finalmente, o restaurante Tête à Tête também entra para o círculo de restaurantes 1 estrela, apenas um ano após sua abertura. Os jovens chefs Gabriel Mateuzzi e Guilherme Vinha oferecem uma cozinha simples e rica de influências internacionais, respeitando os sabores e a utilização de produtos locais. No total, são 18 restaurantes com uma estrela no guia MICHELIN Rio de Janeiro & Sao Paulo 2016.

A seleção também ganha 9 novos restaurantes Bib Gourmand, de estabelecimentos selecionados por sua excelente relação qualidade-preço, uma vez que oferecem um menu completo de até 90 reais. No Rio de Janeiro, AnnaEntretapas Jardim BotânicoGurumê e Riso Bistrô, obtiveram a classificação, juntando-se ao Artigiano, Entretapas Botafogo, Lima, Miam MiamOui Oui, Pomodorino e Restô . Na terra da garoa, os estreantes foram o Le BifeBonaManiocaPetí Gastronomia e Tordesilhas, em São Paulo.

O guia MICHELIN Rio de Janeiro & Sao Paulo 2016 estará acessível gratuitamente em todas as plataformas digitais por meio de um aplicativo  (iOS and Android). A versão impressa estará a venda a partir desta sexta-feira, 29. (por MARIANA BROITMAN) 

SOBRE O GUIA MICHELIN

Sempre em busca de novos endereços e achados raros, os inspetores do guia MICHELIN testam diariamente, em todos os tipos de estabelecimentos, os mais variados estilos de cozinha. Anônimos, se comportam como clientes comuns e pagam suas contas. Mas são estes profissionais que avaliam cada prato sempre com base em cinco critérios: a qualidade dos produtos utilizados, a personalidade da cozinha, a técnica de cozimento e a harmonização dos sabores, a relação qualidade-preço e, claro, a regularidade. São concedidos às melhores mesas o Bib Gourmand ou estrelas, distinções unicamente baseadas na qualidade da cozinha, em atribuições sempre decididas em colegiado. Conforto e serviço são classificados separadamente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *