Vila Santa Teresa: um luxuoso refúgio secreto - Agenda CariocaAgenda Carioca

publicidade

No Banner to display

Vila Santa Teresa

Vila Santa Teresa: um luxuoso refúgio secreto

Imagina a cena: você sobe Santa Teresa na semana que antecede o carnaval. Em tempos pré-pandemia, o que esperar? Muitos blocos, bares cheios, suor, purpurina, música. Em 2021, o bucólico bairro do Centro tem outra cara: virou lugar de descanso. Santa Teresa respira arte e é constantemente comparado ao bairro parisiense Montmartre. E seu jeitinho francês não para aí: também é um refúgio perfeito para destinos românticos. E foi nesse clima, em um fevereiro diferente do habitual e em que se isolar é luxo, que fomos conhecer um espaço desconhecido até mesmo por muitos cariocas, mas que virou ainda mais encantador nos tempos atuais – a Vila Santa Teresa.

Vista de uma das suítes do hotel Vila Santa Teresa (crédito: Agenda Carioca)

O hotel está situado dentro de uma propriedade privada de 80 mil m² de área verde , que pertence à família Monteiro de Carvalho, uma das mais tradicionais do Rio. Os irmãos Eva, Leticia, Astrid e Joaquim Monteiro de Carvalho cresceram ali, na casa que hoje recebe hóspedes. E como ninguém morava na propriedade há quase duas décadas, o espaço foi reformado e, desde o fim de 2016, transformado em uma boutique house.

Sorte a nossa. Com apenas sete suítes, o hotel de luxo tem uma das vistas mais deslumbrantes de todo o Rio de Janeiro. Com a pandemia, o público mudou. Destino de turistas sobretudo europeus, o local agora recebe muitos cariocas a fim de um refúgio em meio à natureza e a poucos minutos de casa e também turistas brasileiros que aderiram ao buy out, a tendência da vez na hotelaria de luxo, que consiste em fechar toda a propriedade apenas para um grupo seleto de amigos ou “bolha social”, termo em voga em tempos pandêmicos.

Além de receber um número pequeno de hóspedes, os cuidados contra a Covid são redobrados. O rigoroso protocolo de higienização inclui a esterilização de bagagens, roupas de cama e louças com luz ultravioleta e a sanitização das suítes por meio de um processo de ozonização.

Apesar de ser um hotel de luxo, reconhecido, inclusive, pelo prêmio Traveller´s Choice como um dos 10% melhores hotéis do mundo e integrante do seleto guia de cidades da Louis Vuitton, a sensação de se hospedar na Vila Santa Teresa é de se estar em casa. “Fizemos obras enormes em 2014, e o local abriu como hotel em 2016 apenas. Mas tudo pensado para continuar com a sensação de que a gente tinha acabado de sair”, diz Eva Monteiro de Carvalho, à frente da administração do estabelecimento.

Ao entrar na casa, o primeiro cômodo à direita é uma biblioteca com livros centenários em edições especialíssimas, todos ao alcance dos hóspedes. A sala de estar segue com uma sala de jantar, onde fica o restaurante, e termina na piscina com uma vista da cidade de tirar o fôlego, com o Pão de Açúcar ao fundo. As suítes estão localizadas no segundo andar e, a cada janela, é sempre uma surra de vista bonita, seja para a orla, para o Pão de Açúcar ou para a mata atlântica. No subsolo, há um bar secreto, uma adega de pedras e um espaço que era a antiga boate da casa, ideal para eventos.

Os hóspedes, em sua maioria, descobrem a Vila Santa Teresa pelo boca a boca. É a melhor propaganda que um local que se preocupa tanto com cada detalhe pode ter. “Muitos cariocas vêm aqui e dizem ‘como eu não conhecia? Por que ninguém nunca me falou desse lugar?’ E essa sensação de que você descobriu algo novo é muito especial. O que as pessoas querem atualmente é a experiência. E é isso que proporcionamos. Nossos hóspedes são chamados pelo nome, se sentem em casa em um ambiente muito acolhedor”, acrescenta Eva.

O luxo na Vila Santa Teresa é estar descalça, colocar o pé na grama, almoçar dentro de uma horta com verduras recém-colhidas. São essas experiências, junto à receptividade impecável de todo o staff, que fazem do local muito mais que apenas um hotel-boutique. As atividades pela propriedade podem ser reservadas por não-hóspedes também. Entre elas, o brunch de domingo, um jantar romântico, um café da manhã em um gazebo cercado de área verde… Datas românticas e até pedidos de casamento ganham o cenário perfeito em um local reservado e que cuida de todos os detalhes, sempre personalizados com a necessidade de cada um. “Se o que você deseja não está hoje aqui, pode ter certeza que amanhã estará”.

Por lá, pudemos presenciar essa exclusividade. O fim da tarde veio com o CaipiSunset. Você caminha pela propriedade, passa por muita área verde cheio de cotias, um galinheiro, até chegar a uma horta. Por lá, encontramos já nos esperando uma estrutura descompromissada com caipirinhas de caju e gelo de água de coco, uma delícia. Sentados no chão e com pés na grama, era só degustar os drinques e esperar o sol se pôr, te fazendo esquecer por completo que você ainda está em uma cidade grande. Que privilégio! O jantar pode ser no terraço, com a vista da cidade iluminada de pano de fundo. O café da manhã escolhemos tomar no gazebo e inclui nossas frutas preferidas, pergunta feita de forma despretensiosa no check-in. Outras atividades disponíveis incluem massagens no spa, funcional nos jardins e sauna.

Carnaval tem programação especial

No sábado (13), os poucos hóspedes vão poder curtir o café da manhã com piano ao vivo e churrasco com degustação de cervejas. O brunch e café da manhã com piano dão a tônica também no domingo (14) e na segunda (15). Na terça (16) o espaço vai receber uma tradicional feijoada. Confira abaixo a programação completa.

Serviço – Programação de Carnaval do Hotel Vila Santa Teresa  

  • Sábado, 12/2:  Café da manhã com piano ao vivo e Churrasco com degustação de cervejas
  • Domingo, 13/2: Brunch com piano ao vivo
  • Segunda-feira, 14/2: Café da manhã com piano ao vivo
  • Terça-feira, 15/2: Feijoada de Carnaval


Informações e detalhes por telefone ou e-mail:
(21) 2051-1905
(21) 99103-1355
[email protected]
Site:
www.vilasantateresa.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *