Alto Astral, por Constança Basto (de 18 a 24/11) - Agenda CariocaAgenda Carioca

publicidade

No Banner to display

Alto Astral, por Constança Basto (de 18 a 24/11)

Começamos a semana com a terceira oposição de Mercúrio e Urano o que pode trazer imprevistos e agitação para o nosso dia a dia, notícias inesperadas, compromissos desmarcados de última hora. A ideia aqui é praticar a flexibilidade e o bom humor. A ansiedade vai estar no ar durante toda a semana, principalmente quando falamos e pensamos. Vamos sentir que queremos soluções para “ontem” e a urgência para resolver problemas vai ser enorme. Precisamos manter a calma para não atropelar as etapas necessárias aos processos. Devemos ficar atentos no trânsito e nos deslocamentos em geral, situações imprevistas e inesperadas podem acontecer. É fundamental ficar aberto para mudar de opinião e ideia, caso um novo cenário nos seja apresentado. Urano pede a Mercúrio ainda mais flexibilidade e adaptação ao novo. Queremos novidades aqui e teremos muita criatividade a nossa disposição.

Amanhã, dia 19, o Sol faz sextil com Saturno e esse é um aspecto fluente que nos ajuda a achar as condições, a confiança e as ferramentas para realizar nossos desejos mais profundos. Esse aspecto fala de concretização e é muito importante nos organizarmos durante esse trânsito. Colocar a vida em ordem, organizar nossas contas e finanças e também as nossas emoções. O trabalho ou as tarefas feitas sob esse trânsito saem bem-feitas e é ótimo momento para fazer coisas que peçam grande atenção e poder de concentração. Aqui todo o nosso empenho é compensado

Ainda na quinta, Vênus faz um aspecto desafiador com Saturno e aqui passamos o dia reavaliando nossas relações e afetos e nos questionando se valem a pena ou não. Revemos e pesamos nossas atitudes e as dos outros em nossa vida e podem surgir medo e alguma tristeza. É preciso cautela aqui para não imaginar que as coisas são muito piores do que são de fato e focar só nos pontos fracos das relações, sendo muito rigorosos nas críticas. Saturno é duro e rígido. É fundamental lembrar que somos todos humanos e existe um limite para as nossas expectativas do que podemos ser e fazer. O outro nunca será o objeto do nosso desejo, assim como nós também não somos. Temos limitações. Como Vênus trata das nossas finanças também, aqui reavaliamos nossos investimentos financeiros, e não é um bom momento para cobrar dívidas antigas ou fechar negócios. Durante esse período sentimos muito medo da falta, e não nos sentimos abertos a negociações. É um ótimo momento para autorreflexão e introspecção, o que aprendemos olhando para dentro de nós agora poderá ajudar a melhorar nossas relações e escolhas daqui para frente.

No sábado, dia 21, Vênus chega ao signo de Escorpião e o amor fica mais erótico, passional e intenso. Porém nem tudo são rosas, pois junto com a intensidade muitas vezes desmedida, vem a propensão para brigas, cenas de ciúme e necessidade de controlar o outro. Mágoas emergem com mais facilidade durante esse posicionamento e precisam ser trabalhadas, resolvidas e curadas.

E ainda no sábado, o Sol chega ao alegre signo de Sagitário dando início ao clima de animação de final de ano. Sagitário é um signo que representa a mente abstrata, a sabedoria, a filosofia. É um signo de pensamentos expansivos. Os sagitarianos são entusiastas da vida, têm grandes ideais e precisam de um propósito para a própria existência. Tem fé no que está por vir! Procuram se aprofundar em si mesmos e no significado das coisas, pois precisam encontrar respostas honestas sobre o que realmente desejam para suas próprias vidas. Este mês promete, portanto, mais positividade, uma sensação de que necessitamos de uma meta e propósito para nos dedicarmos de corpo e alma. Queremos e precisamos crescer, nos expandir, ir mais longe, durante esses dias vamos buscar respostas e novos caminhos para o nosso crescimento pessoal.

No domingo dia 22 a Lua chegando a sua fase crescente no céu e ela estará no signo de Peixes, enquanto o Sol está no signo de Sagitário. Aqui é fundamental mantermos a aceleração em direção as nossas metas para o ciclo. Nessa altura já percebemos quais as sementes que estão começando a vingar e devemos investir todo nosso esforço e energia nessas sementes. Obstáculos podem aparecer sim, mas não é hora de desistir é hora de encontrar soluções, lidar com os desafios e conciliar as demandas emocionais e as práticas. Essa é uma semana para nos esforçarmos para concluir o máximo de objetivos possíveis nesse ciclo de materialização. Como essa Lua crescente acontece em Peixes é importante também estarmos bastante atentos para perceber o que de fato está fluindo e dando sinais de concretude, devemos fluir junto com a vida, não forçar as coisas, os sinais quando a lua transita por Peixes são bem mais sutis, precisamos estar abertos e conectados para perceber. A ideia agora é permanecer no fluxo, não resistir, não se debater, a flexibilidade aqui é o segredo. Estamos falando de dois signos mutáveis Peixes e Sagitário, portanto, nesse período a capacidade de adaptação ajuda a concluir nossos objetivos. Claro que como o sol está em Sagitário será importante não perdermos de foco nossas metas e sobretudo mantermos nosso bom humor e alegria na busca, isso vai ajudar. Vamos seguir nossos planos, mas vamos olhar pra dentro e silenciar para poder ouvir a nossa intuição que vai nos guiar agora. Pode acontecer de intuirmos caminhos diferentes dos planejados, devemos nos adaptar. A intuição pode nos revelar muita coisa, só precisamos nos entregar ao processo.

Na segunda-feira dia 23 Mercúrio faz um aspecto fluente com Netuno e a inspiração aparece forte para escrever, se comunicar e trocar. Boas ideias surgem. A imaginação está em alta e tudo flui melhor. A intuição está muito ativada e as fantasias também. Sonhamos acordados e nos sentimos muito mais sensíveis às atmosferas e pessoas a nossa volta. Podemos perceber o que muitas vezes passa despercebido, mas por outro lado fica mais difícil focar em tarefas práticas. Esse é um dia para confiarmos mais nas nossas intuições e sensações, do que no que vemos na nossa frente. O ideal aqui é usarmos esse tempo para escrever, escutar boa música, visitar galerias de arte e museus, meditar ou praticar qualquer atividade que nos inspire verdadeiramente.

Boa semana a todos!

Resumo da semana:

  • 17.11 Mercúrio oposição Urano: Precisamos manter a calma para não atropelar as etapas necessárias aos processos. É fundamental ficar aberto para mudar de opinião e ideia, caso um novo cenário nos seja apresentado. Urano pede a Mercúrio ainda mais flexibilidade e adaptação ao novo. Queremos novidades aqui e teremos muita criatividade a nossa disposição.
  • 18.11 Sol sextil Saturno: nos ajuda a achar as condições, a confiança e as ferramentas para realizar nossos desejos mais profundos.
  • 19.11 Vênus quadratura Saturno: Durante esse período sentimos muito medo da falta, e não nos sentimos abertos a negociações. É um ótimo momento para autorreflexão e introspecção, o que aprendemos olhando para dentro de nós agora poderá ajudar a melhorar nossas relações e escolhas daqui para frente.
  • 21.11 Vênus em escorpião: o amor fica mais erótico, passional e intenso. Porém nem tudo são rosas, pois junto com a intensidade muitas vezes desmedida, vem a propensão para brigas, cenas de ciúme e necessidade de controlar o outro.
  • 21.11 Sol em Sagitário: Os sagitarianos são entusiastas da vida, têm grandes ideais e precisam de um propósito para a própria existência. Tem fé no que está por vir! Este mês promete, portanto, mais positividade, uma sensação de que necessitamos de uma meta e propósito para nos dedicarmos de corpo e alma.
  • 22.11 Lua Crescente em Peixes: A ideia agora é permanecer no fluxo, não resistir, não se debater, a flexibilidade aqui é o segredo. Estamos falando de signos mutáveis Peixes onde está a Lua e Sagitário onde está o Sol, portanto, nesse período a capacidade de adaptação ajuda a concluir nossos objetivos.
  • 23.11 Mercúrio trígono Netuno: Esse é um dia para confiarmos mais nas nossas intuições e sensações, do que no que vemos na nossa frente. O ideal aqui é usarmos esse tempo para escrever, escutar boa música, visitar galerias de arte e museus, meditar ou praticar qualquer atividade que nos inspire verdadeiramente.

Constança Basto é astróloga e divide seu tempo entre livros, mapas, sinastrias, previsões e ama tirar dúvidas astrológicas. Quem quiser continuar o papo alto astral, entre em contato pelo e-mail [email protected], pelo Instagram @constancabasto ou envie um comentário para a coluna

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *