Moda consciente: Legenda e Curadoria Store são novidades no Rio - Agenda CariocaAgenda Carioca

publicidade

No Banner to display

Rogéria Féliz, da Curadoria (Foto: Karin Schaly)

Moda consciente: Legenda e Curadoria Store são novidades no Rio

Entre muitos questionamentos que fizemos sobre o mundo após o início da pandemia, o excesso de consumo é certamente um deles. E não só isso: mas qual o impacto que as compras têm em nossa vida. E quem sonha com peças de marca e qualidade no armário pode, sim, escolher formas menos agressivas ao planeta (e também ao nosso bolso). Aderir ao slow fashion, com peças mais duradouras e atemporais; apostar no upcycling; em pequenos produtores; brechós e outlets com sobras de coleções passadas são algumas tendências. E nesse nicho surgiram algumas novidades no Rio.

Legenda: nova ponta de estoque multimarcas no Leblon

Uma delas é a Legenda, nova loja ponta de estoque multimarcas no Leblon. À frente de franquias de grifes badaladas nos anos 1980 e sempre antenada com as últimas tendências, Mônica Lobão inaugurou o espaço que ganha peças de marcas bacanas e uma curadoria focada no que todos mais amam: qualidade com estilo e ótimos preços.

Nas araras, sempre peças diferentes. A ideia é nunca ficar restrito a este ou aquele produto e gerar novidades a todo momento. Alguns exemplos de como funciona: num certo momento, vai rolar um bazar de uma marca que tem suas próprias lojas, mas também possui ótimos produtos fora das vitrines; em outro, uma venda de pontas de estoques de uma grife que você gosta, mas que tinha fechado sua loja física; e também achadinhos que não são encontramos em nenhum lugar. Ou seja, a cada momento, uma loja nova. A Legenda fica na Avenida Ataulfo de Paiva, 566 / loja 310.

Curadoria Store: second-hand sem perder o estilo

Outra novidade é a Curadoria Store, em Ipanema, criada por um nome que entende do riscado: Rogéria Félix, que tem uma experiência de 12 anos de gestão de marcas (ABrand e Eva). O nome Curadoria vem de Cura, palavra que norteia toda a estratégia de second-hand, desde curar o mundo, apostando em sustentabilidade e upcycling.

Para entrar no acervo da marca, as peças de segunda mão passam por um critério rigoroso e são tratadas como coleção, precisando conversar entre si. Hoje, o catálogo conta com cerca de mil roupas e acessórios de marcas como Isolda, Ateen, Abrand, Animale e Eva, que já vestiram nomes conhecidos também pelo estilo, como a taróloga Adriana Kastrup, a consultora de moda Carla Coutinho e a própria Rogéria Félix. A ideia, inclusive, surgiu quando a empresária precisou se mudar no meio da pandemia e ficou abismada com a quantidade de peças que ela mesma havia comprado ao longo dos 12 anos trabalhando no mercado de luxo. “Havia roupas com etiqueta, outras que usei uma vez. Num ano tão difícil para o país, o mundo e para todos nós individualmente, tudo mudou um pouco de sentido. A pandemia me fez ver esse consumo desenfreado de outra forma, pensar o planeta de outra maneira”, conta.

Além da loja, que fica na galeria Ipanema 2000 (Rua Visconde de Pirajá 547, lj 225A), a Curadoria Store tem canal de vendas on-line, pelo site www.curadoriastore.com, Instagram @curadoria.store; e via WhatsApp, pelo número (21) 97218-4525. O preço médio das peças é R$ 250.

Confira outras marcas de second-hand que já falamos por aqui:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *